A black woman is Germany’s Next Top Model – Uma mulher negra é Germany’s Next Top Model!

A black woman is Germany’s Next Top Model

In another example that highlights the exclusionary and racist policies in the Brazilian fashion industry, a black woman was chosen as the winner of Germany’s Next Top Model. The beautiful black woman, Sara Nuru, a German of Ethiopian descent won the contest. In December of 2008, another black woman, Chloe Mortaud, was crowned Ms. France. Isn’t it ironic that European countries that have overwhelmingly white populations can recognize the beauty of African descendents, but a country like Brazil needs to adopt quotas on the runways so that black women have representation in a country with a black majority?

Although this may sound strange, the reason is quite simple. In European countries and in the United States, white people have always been the majority and the accepted standard of beauty too has always been white without any serious challenge. These types of countries have always been confident in their whiteness and thus the occasional non-white woman that wins a beauty contest, is a top model or is featured on the cover of a popular magazine, is sometimes hailed as an example of a diversity that doesn’t exist while posing no real threat to the white standard. In Brazil, on the other hand, elites have always dreamed of erasing a people whose African roots were too prominent in physical appearance. Brazil will never be accepted as a white country, thus, to create an illusion and to “improve” the image of Brazil to the rest of the world, the overwhelming majority of people presented in the Brazilian media look as if they are from Italy, Portugal or Germany. Brazil has always seen itself as a “racial democracy”; America believes itself to be the land of “equal opportunity”. But the possibility in the belief in this ideology is always more likely if one is the right color.

Uma mulher negra é Germany’s Next Top Model!

Em um outro exemplo que evidencia as políticas racistas e excludentes na indústria moda brasileira, uma mulher negra foi escolhida como o vencedor da Alemanha’s Next Top Model. A bela negra Sara Nuru, uma Alemã de descendência etíope ganhou o concurso. Em dezembro de 2008, uma outra negra, Chloé Mortaud, foi coroado Ms. França. Não é irônico que os países europeus que têm populações que são esmagadoramente brancas pode reconhecer a beleza das afro-descendentes, mas um país como o Brasil precisa de adotar cotas nas passarelas para que as negras ter representação em um país com uma maioria negra?

Embora isto possa parecer estranho, a razão é bem simples. Em países europeus e nos Estados Unidos, pessoas brancas sempre foram a maioria e a padrão aceitado de beleza tem sido sempre branca sem qualquer desafio sério. Estes tipos de países têm sido sempre confiantes em sua brancura e, portanto, o eventual mulher não-branca que ganha uma concurso de beleza, é uma “top model” ou é apresentado na capa de uma revista popular, as vezes é aclamado como um exemplo de uma diversidade que não existe, enquanto não constituir uma ameaça real para o padrão branca. No Brasil, por outro lado, elites sempre sonhou de apagar um povo cujas raízes africanas foram proeminente demais na aparência física. O Brasil nunca será aceitado como um país branca, assim, para criar uma ilusão e para “melhorar” a imagem do Brasil para o resto do mundo, a esmagadora maioria das pessoas apresentadas na mídia brasileira parece como se eles são da Itália, Portugal ou Alemanha. O Brasil tem sempre considerou-se uma “democracia racial”; América considerou-se ser a terra da “igualdade de oportunidades”. Mas a possibilidade da crença neste ideologia é sempre mais provável se se é a cor certa.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: